(31) 4063-9493 | 3146-9493     comercial@analyticsbrasil.com.br

Análise de sílica: qual sua importância na higiene ocupacional?

Por:leandro
Análises Químicas

01

ago 2018

A qualidade de vida no trabalho passa por uma série de variáveis, que inclui boas condições de saúde para os colaboradores. Nesse cenário, a análise de sílica é um fator importante, especialmente porque este agente químico está presente em vários ambientes e materiais.

Com o controle da sílica, é possível fornecer mais segurança ao local de trabalho e, consequentemente, garantir a saúde dos trabalhadores. No entanto, para chegar a esse patamar, é necessário contar com uma pesquisa eficiente e um laboratório confiável, que siga as determinações e as melhores práticas.

Por isso, vamos abordar essa questão neste artigo. Aqui, explicaremos o que é o processo de determinação de sílica, como a análise funciona, seus benefícios e de que forma a Analytics Brasil ajuda a resolver esse problema. Acompanhe!

O que é o processo de determinação de sílica?

A sílica é o dióxido de silício, um dos minerais mais abundantes no nosso planeta. Essa substância pode estar presente nas formas cristalina e amorfa. No caso da higiene ocupacional, o primeiro tipo é o mais relevante, sendo as mais comuns a cristobalita e o alfa quartzo.

A inalação da sílica na sua forma cristalizada afeta os alvéolos pulmonares, e o organismo é incapaz de expulsar a substância. Com isso, a estrutura interna necrosa e causa a silicose, doença também conhecida como pulmão de pedra. Outro prejuízo é ser comprovadamente um agente cancerígeno.

Para evitar essa situação, é preciso fazer a determinação ou análise de sílica. Para fins ocupacionais, sua importância é prevenir doenças laborais, como a silicose e o câncer de pulmão. Assim, são cumpridos os regulamentos para a exposição ao alfa quartzo e à cristobalita, as duas formas cristalinas que geram problemas.

É importante destacar que há vários profissionais e segmentos industriais que podem estar expostos à sílica. É o caso da fundição, da construção civil, da mineração, dos materiais cerâmicos, dos abrasivos e da agricultura, entre outros.

Como funciona essa análise?

A determinação de sílica é realizada a partir da seleção de um método analítico. A escolha deve ser específica para materiais cristalinos, caso contrário será fornecida uma concentração geral da substância, com inclusão da forma amorfa — que não causa danos.

O único método específicos para a fração cristalina é utilizando a difração de raios-X. Por meio dessa técnica, é possível quantificar os minerais presentes no ar com eficiência a partir de informações detalhadas sobre a estrutura cristalográfica e a composição química das amostras obtidas.

A análise quantitativa de materiais também pode ser feita pela microscopia eletrônica de varredura. Esse método contribui para a identificação de grãos finos, que são dificilmente identificáveis visualmente, mas podem ser verificados com microscópio eletrônico de varredura ou espectrômetro dispersivo de energia.

Vale a pena destacar que a sílica cristalina respirável tem Time Weighted Average (TLV-TWA), ou seja, concentração média de exposição ponderada no tempo de 0,025mg/m3, com um nível de ação de 0,0125mg/m3. A análise, portanto, deve ser sensível o suficiente para identificar valores menores do que esse limite.

Quais são os benefícios de uma análise de sílica por difração de raio-x?

Existem duas principais vantagens desse processo. A primeira é o fato de o método de difração ser o único específico para a parte cristalina da sílica. Nesse caso, a parte amorfa — que não gera danos para os seres humanos — é desconsiderada. Caso contrário ela poderá contribuir para uma interpretação errada dos resultados. Com a difração isso não acontece e a empresa tem acesso a valores reais, podendo trabalhar em cima do problema, caso ele exista.

Com isso, vem o segundo benefício da análise da sílica: a proteção do colaborador. Como a inalação da substância é altamente negativa para a saúde do trabalhador e pode criar doenças graves, fazer a avaliação é uma maneira de manter a qualidade de vida e ainda evitar indenizações devido a algum mal que acometa o organismo de um funcionário.

Além disso, os métodos utilizados de análise permitem realizar um monitoramento contínuo de tarefas, que consegue identificar a fonte da exposição de determinado colaborador à sílica, assim como qual tarefa ocasiona maior exposição. Dessa maneira, a empresa pode implementar controles apenas nessas atividades.

Como a Analytics Brasil ajuda a resolver esse problema?

A Analytics é o único laboratório com certificado pela American Industrial Hygiene Association (AIHA) para realizar a análise da substância por meio de métodos de difração no Brasil. A acreditação total ISO/IEC 17025 foi concedida em 1981.

Por trás desse trabalho, existe a experiência do laboratório de análises químicas Analytics Corporation, que há 30 anos oferece dados analíticos de qualidade nos Estados Unidos para centenas de compostos.

As metodologias utilizadas por esse laboratório são NIOSH e OSHA. Para o reconhecimento do risco, ou seja, para detectar a presença de sílica no ambiente, as amostras devem ser obtidas utilizando um cassete com filtro de PVC e um separador de partículas (ciclone) de fração respirável.

Assim que a amostra é coletada, é enviada para a Analytics, que determina a massa de poeira contida no filtro dentro do cassete. A análise é feita pelo método NIOSH 7500 de difração de raios-X. No relatório de análise ainda há informações da concentração de poeira, quartzo/cristobalita e percentual de sílica cristalina. Os resultados são comparados aos limites disponíveis no anexo 12 da Norma Brasileira 15 (NR-15).

Todo esse procedimento assegura maior precisão nas análises. Além disso, as amostras são enviadas via FedEx de mais de 30 países da América do Sul, Europa, Ásia e Austrália chegando no laboratório em dois dias. A consequência é o padrão na avaliação e nos resultados obtidos.

Assim, a análise de sílica é um procedimento complexo e que precisa ser realizada por profissionais qualificados. Por isso, é importante contar com um laboratório certificado para orientar a coleta e realizar a análise. Dessa maneira, você garante um ambiente de trabalho saudável e com mais qualidade de vida.

Se você precisa verificar como está a higiene ocupacional na sua empresa ou deseja fazer o monitoramento constante do ambiente de trabalho, entre em contato conosco e veja como nossas avaliações podem contribuir para a o bom andamento da sua organização.


Compartilhe:

Av. dos Andradas 3323 - Sala 504, Santa Tereza - BH/MG

(31) 4063-9493 | 3146-9493

comercial@analyticsbrasil.com.br