(31) 4063-9493 | 3146-9493     [email protected]

    • (31) 99725-4404

Óleo Diesel: Os 3 Erros Mais Comuns no Reconhecimento de Riscos

Por:Redator Analytics Brasil
Sem categoria

08

maio 2020

Como tornar a Higiene Ocupacional fácil, quando o assunto é Diesel? Muitas dúvidas são levantadas a respeito dessa substância. O Diesel é um hidrocarboneto aromático? Cancerígeno? Como eu avalio Diesel? Quais são os riscos associados a este agente? Quais são os desafios para este composto em relação a ACGIH? 

Neste artigo vamos detalhar os principais pontos para uma boa avaliação ocupacional deste agente. 

 

Não se esqueça de curtir a nossa FanPage e ficar por dentro de todas as dicas e novidades!  

  

Todas as terças-feiras às 19h temos nossas lives sobre o que há de mais novo e mais moderno em Higiene Ocupacional. Um conteúdo técnico e direcionado da área. Toda semana um assunto novo e convidados especiais. Aproveite e se inscreva para a nossa live da próxima semana, clique aqui e garanta a sua vaga!  

 

Para começarmos é importante destacar que o Diesel não possui limites de tolerância estabelecidos pela NR15. Este agente possui um limite de tolerância como “Diesel combustível” estabelecido pela ACGIH, é um limite do tipo média ponderada no tempo que deve ser considerado para as frações inaláveis e vapor. Além disso o Diesel pode ser absorvido pela pele e possui notação A3, ou seja, é classificado como “carcinogênico para animais em condições especiais” pela IARC. 

 

Óleo diesel é um óleo mineral?

Se você já fez este enquadramento, infelizmente cometeu um grande engano. O óleo diesel não é um óleo mineral ou óleo lubrificante. O diesel é um óleo combustível. Durante o refino do petróleo bruto ocorre a separação entre as fases leves, médias e pesadas da mistura. O diesel está na fração média do destilado de petróleo. Já os óleos minerais e óleos lubrificantes estão na fração mais pesada do destilado. Embora seja uma mistura de hidrocarbonetos de peso médio derivada do petróleo e que sua composição possa variar levemente, o Diesel é uma nafta bem definida e possui número CAS próprio. 

 

Onde podem ocorrer as exposições à diesel e quais são suas principais rotas?

Durante a produção do diesel, armazenamento, transporte, abastecimento de estações e de tanques de veículos. Ele pode ser inalado e absorvido pela pele. As exposições podem ocorrer com o diesel líquido, vapor, aerossol (esperado quando é utilizado pressão e aquecimento ou quando há um aquecimento do líquido). 

 

O Óleo Diesel é um hidrocarboneto aromático?

Uma das dúvidas mais comuns entre os profissionais da área é se o Diesel é ou não um hidrocarboneto aromático. A resposta é não. O Diesel é composto de uma mistura entre hidrocarbonetos alcanos parafínicos e naftênicos, olefínicos e aromáticos. Então, embora o Diesel não seja um hidrocarboneto aromático, ele contém hidrocarbonetos aromáticos em sua composição. De acordo com a ACGIH apenas traços (concentrações muito pequenas) de compostos voláteis como benzeno, tolueno, etilbenzeno e xilenos são encontrados no diesel. Além disso, o diesel pode conter uma fração de até 5% de hidrocarbonetos poliaromáticos (PAH’s). 

 

A Analytics Brasil além de ser um laboratório de análises químicas para higiene ocupacional, fica atenta aos melhores métodos de amostragem de acordo com as necessidades de sua empresa, orientando quanto ao melhor tipo de amostragem, também realiza serviços de assessoria e consultoria em higiene ocupacional, além de oferecer palestras de cunho educativo sobre higiene ocupacional. Contate-nos e saiba mais!  


Compartilhe:

Av. Bernardo Monteiro, 971 - 10 andar, Funcionários - Belo Horizonte /MG

(31) 4063-9493 | 3146-9493

(31) 99725-4404

[email protected]