(31) 4063-9493 | 3146-9493     [email protected]

    • (31) 99725-4404

Óleo Mineral: o segredo da exposição a este agente químico

Por:Redator Analytics Brasil
Higiene Ocupacional

26

fev 2021

O Óleo mineral é um composto químico derivado do petróleo e que possui grande aplicabilidade industrial. O óleo mineral está presente nos cosméticos, lubrificantes industriais, fluidos hidráulicos, pesticidas, entre outros… Quanto maior e mais variada a aplicação, maior atenção deve ser dada aos possíveis riscos ocupacionais oferecidos por um agente químico 

Ainda não se sente seguro para fazer avaliação ocupacional do óleo mineral? 

Acompanhe este artigo! 

Não se esqueça de curtir a nossa FanPage e ficar por dentro de todas as dicas e novidades!       

 Todas as terças-feiras às 19h temos nossas aulas gratuitas sobre temas que irão facilitar a avaliação de Agentes Químicos para Higiene Ocupacional. Um conteúdo técnico e direcionado da área. Toda semana um assunto novo. Aproveite e se inscreva para a live da próxima semana,  clique aqui  e garanta a sua vaga! 

O óleo mineral é uma mistura de hidrocarbonetos, majoritariamente composta por alcanos e alcenos, líquido a temperatura ambiente, com baixa pressão de vapor, que não possui cor nem odor e é obtido através da destilação do petróleo cru. 

Avaliando a exposição a óleo mineral

 O Óleo mineral é um agente químico previsto tanto na NR15 quanto na ACGIH. Logo, a exposição a óleo mineral deve ser avaliada para enquadramento do adicional de insalubridade e também em programas de prevenção e gerenciamento dos riscos ocupacionais.  

Para a realização do reconhecimento de riscos em atividades que empregam óleo mineral, é importante entender de que forma este a gente se dispersa no ar. Por ter uma baixa pressão de vapor, dificilmente o óleo mineral vai gerar vapor. Sendo assim, a exposição só ocorrerá se houver um processo que force a dispersão do óleo mineral no ar, como por exemplo, aspersão por um sistema compressor que leve a formação de névoas e neblinas deste agente.  

Óleo mineral altamente refinado

Historicamente, quando se deram as primeiras utilizações do óleo mineral, a tecnologia disponível ainda não permitia uma boa separação entre o óleo mineral e outros compostos tóxicos provenientes do petróleo, como os HPA’s (hidrocarbonetos aromáticos polinucleados). Nos dias de hoje, a produção de óleo mineral já é padronizada para que se obtenha óleo minerais altamente refinados, sendo estes livres da grande maioria das impurezas que contribuem para o perigo da exposição ao óleo mineral.  

A ACGIH (American Conference of Governmental Industrial Hygienists) distingue estas classificações do óleo mineral. Enquanto para o óleo altamente refinado a ACGIH traz um limite de exposição ocupacional, para o óleo mineral com baixo grau de refinamento a recomendação é que a exposição seja a menor possível. 

O óleo mineral é carcinogênico?

 A suspeita de carcinogenicidade para os óleos minerais é atribuída principalmente as impurezas que compõem os óleos baixamente ou não refinados, ambos são classificados pela ACGIH no grupo A2 – Suspeitos de carcinogenicidade para humanos. Já os óleos minerais altamente refinados são classificados pela ACGIH no grupo A4 – Não classificados como carcinogênicos à humanos e, pela Agência Internacional de Pesquisa em Câncer, no grupo 3 não classificável. 

Óleo mineral e insalubridade

 Os óleos minerais constam no Anexo XIII da NR15, o enquadramento se dá de forma qualitativa e a norma presume insalubridade de grau máximo para: 

Manipulaçãodealcatrão,breu,betume,antraceno,óleosminerais,óleoqueimado,parafinaououtrassubstâncias cancerígenas afins.” 

No entanto, como vimos anteriormente, a grande maioria dos óleos minerais comercializados atualmente, não são mais reconhecidos como cancerígenos.  

A Analytics Brasil além de realizar análises químicas para higiene ocupacional, atentando aos melhores métodos de amostragem de acordo com as necessidades da sua empresa, orientando quanto ao melhor tipo de amostragem, também realiza serviços de assessoria e consultoria em higiene ocupacional. E ainda oferecemos cursos e palestras sobre reconhecimento e avaliação de agentes químicos para higiene ocupacional.Contate-nos e saiba mais!

 

Quer complementar o assunto?  

Assista a aula abaixo: 

Inscreva-se em nosso canal do Youtube clicando aqui. 


Compartilhe:

Av. Bernardo Monteiro, 971 - 10 andar, Funcionários - Belo Horizonte /MG

(31) 4063-9493 | 3146-9493

(31) 99725-4404

[email protected]