(31) 4063-9493 | 3146-9493     [email protected]

    • (31) 99725-4404

O Silício em Eletrodos de Solda Causa Doenças?

Por:Analytics Brasil
Analytics Brasil | Segurança do Trabalho

24

jul 2019

 

Se tratando da sílica amorfa, gerada nos processos de soldas, é necessário realizar a amostragem? Ela gera algum risco para o trabalhador? Acompanhe o artigo e saiba mais! 

Não se esqueça de curtir a nossa FanPage e ficar por dentro de todas as dicas e novidades!

O que é?

A sílica, também denominada ‘dióxido de silício’, é um óxido de um semi-metal que encontra-se com conformação cristalina ou como sílica amorfa (estrutura que não têm ordenação espacial à longa distância, como os sólidos regulares). 

A sílica amorfa pode ser formada quando o eletrodo ou arame de soldagem apresentam silício em sua composição. 

Com o controle da sílica, é possível fornecer mais segurança ao local de trabalho e, consequentemente, garantir a saúde dos trabalhadores. No entanto, para chegar a esse patamar, é necessário contar com uma pesquisa eficiente e um laboratório confiável, que siga as determinações e as melhores práticas. Saiba mais neste artigo! 

A Sílica Amorfa causa doenças?

O silício é um dos materiais utilizados para proteger eletrodos de solda. Durante o processo de soldagem, este material atinge temperaturas altíssimas e silício é oxidado, formando o dióxido de silício. Não há tempo para formação do quartzo e cristobalita já que o tempo de soldagem é curto, por isso não é formada a sílica cristalina na maioria dos processos.

Nesse caso não  é preciso se preocupar com a amostragem da sílica cristalina. Tendo em vista que a sílica cristalina é a que causa a silicose e o câncer de pulmão. A poeira de sílica é encontrada quando ocorrem cortes, serragens, polimentos, o ato de moer, esmagamentos e todo ato de divisão de sílica cristalina (quartzo e cristobalita) como a areia, concreto, certos minérios e rochas, jateamento de areia e transferência ou manejo de certos materiais em forma de pó. 

No caso da solda, em que o silício é um componente do eletrodo, é originada a sílica amorfa. Este tipo de sílica gerada pela solda não possui limite, já que não há nenhuma comprovação de que causa doenças ocupacionais

Quando fazer a amostragem e análise de sílica cristalina?

Alguns eletrodos recebem o quartzo em sua composição, o que pode variar de 5 a 10%. Se um trabalhador utiliza em seus processos, materiais que contenham quartzo, é preciso se atentar quanto à periodicidade, consumo dos eletrodos e  condições do ambiente.

A Analytics Brasil além de realizar análises químicas para higiene ocupacional, atentando aos melhores métodos de amostragem de acordo com as necessidades de sua empresa, orientando quanto ao melhor tipo de amostragem, também realiza serviços de assessoria e consultoria em higiene ocupacional, além de oferecer palestras de cunho educativo sobre higiene ocupacional. Contate-nos e saiba mais!

Confira o vídeo completo, disponível no Youtube: Sílica Amorfa liberada por materiais de solda causa doenças


Compartilhe:

Av. Bernardo Monteiro, 971 - 10 andar, Funcionários - Belo Horizonte /MG

(31) 4063-9493 | 3146-9493

(31) 99725-4404

[email protected]