(31) 4063-9493 | 3146-9493     comercial@analyticsbrasil.com.br

Diferenças entre N-Hexano e Isômeros de Hexano

Por:Analytics Brasil
Análises Químicas

23

maio 2019

Veja neste artigo o conhecimento básico que você deve ter sobre Química Orgânica e como aplicá-lo na Higiene Ocupacional. Acompanhe!

Não se esqueça de curtir a nossa FanPage e ficar por dentro de todas as dicas e novidades!

O N-Hexano

O N-Hexano é originado do óleo cru e do gás natural e um subproduto do petróleo. A fonte de exposição e seus usos podem ser dados na produção de alimentos, extração de óleos vegetais, solventes na indústria de polidores, tinta e diluentes, na polimerização da borracha, em colas adesivas em termômetros, em produtos farmacêuticos e cosméticos, na gasolina em indústrias têxteis, entre outros.

O n-hexano tem ação irritante na mucosa nasal, bucal, trato respiratório e córnea. Além disso, os seus produtos de biotransformação como a metil-n-butil-cetona, 2-hexanol, 2,5-hexanodiol e 2,5-hexanodiona são capazes de desenvolver neurotoxicidade periférica, caracterizada por neuropatia progressiva motora, e senso motora.

Mas qual a diferença entre o N-Hexano e os Isômeros de Hexano?

Na ACGIH os limites estão diferenciados para N-Hexano e para os isômeros de hexano. Estes limites são diferentes, pois a toxicidade também varia. O N-Hexano tem um limite TWA de 50ppm.

Os isômeros do Hexano podem ser definidos como compostos que possuem  mesma fórmula molecular, mas que a distribuição dos átomos ao longo do espaço  é diferente. Um exemplo é o 3-metil-pentano que possui a mesma fórmula que o hexano mas com estruturas diferentes (C6H14)

O limite para a mistura de isômeros é de 500ppm.

O N-Hexano e os Isômeros de Hexano são compostos distintos e, por isso, você precisa entender o conceito de isomeria. Se você está fazendo um reconhecimento de riscos com um composto N-Hexano, fique atento, pois você deverá fazer a análise tanto do N-hexano quanto dos seus isômeros.

Há uma grande probabilidade do hexano da indústria não ser puro. uma mistura de N-hexano e seus isômeros pode resultar em um grau de risco diferente. Por isso a análise deve ser separada.

A Analytics Brasil além de realizar análises químicas para higiene ocupacional, atentando aos melhores métodos de amostragem de acordo com as necessidades de sua empresa, orientando quanto ao melhor tipo de amostragem, também realiza serviços de assessoria e consultoria em higiene ocupacional, além de oferecer palestras de cunho educativo sobre higiene ocupacional. Contate-nos e saiba mais!

Confira o vídeo completo, disponível no Youtube: Diferenças entre N-Hexano e Isômeros de Hexano


Compartilhe:

Av. dos Andradas 3323 - Sala 504, Santa Tereza - BH/MG

(31) 4063-9493 | 3146-9493

comercial@analyticsbrasil.com.br