(31) 4063-9493 | 3146-9493     contato@analyticsbrasil.com.br

    • (31) 99730-5753

FISPQ – Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos

Por:Redator Analytics Brasil
Análises Químicas

19

mar 2018

A Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos (FISPQ)é um documento fomentado pela ABNT- NBR 14725, da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). O objetivo principal da FISPQ é comunicar possíveis riscos relacionados aos produtos químicos, e deve ser recebida por empresas que realizem a utilização, movimentação e/ou transportação de produtos químicos.

Para saber mais sobre a FISPQ, continue lendo este artigo! Não deixe de curtir nossa FanPage para ficar por dentro de todas as dicas e novos conteúdos.

A FISPQ

A Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos é de extrema importância, uma vez que desempenha a função de divulgar informações pertinentes acerca dos riscos apresentados por produtos químicos. A FISPQ é obrigatória para a comercialização de qualquer produto químico, e ao adquirir este tipo de produto, o documento é um direito do comprador.

A elaboração da FISPQ

O documento é composto por 16 seções, que explicitam todas as informações pertinentes ao(s) produto(s) químico(s), como aspectos, mistura, composição, segurança e meio ambiente. A FISPQ deve sempre estar acessível a todos aqueles que desempenham alguma função que envolva o produto químico.

De maneira sucinta, são os capítulos da FISPQ:

1- Identificação do produto e da empresa que comercializa

A primeira etapa consiste na identificação do produto e da empresa, ou seja: o nome do produto químico, o nome da empresa, telefone de contato e endereço físico.

2- Composição e informações sobre os ingredientes

Nesta seção, o documento deve informar sobre a composição do produto químico, se o mesmo é uma substância ou um preparado, e nomear seus ingredientes. É nesta secção que o higienista ocupacional deve detectar todas as substâncias químicas que podem gerar exposição ocupacional. Mas isso não é tão simples, um higienista com conhecimentos em químicas vai determinar se alguma dessas substâncias pode reagir durante a utilização e gerar algum produto prejudicial à saúde do trabalhador.

3- Identificação de perigos

A identificação de perigos consiste na informação dos riscos e efeitos adversos que podem ser causados pelo produto químico, como danos à saúde ou ao meio ambiente. Esta secção também deve ser levada em consideração pelo higienista para realizar um corretoreconhecimento de riscos. Um reconhecimento de risco mal feito pode ocasionar problemas futuros para a empresa e para a saúde do funcionário.

4- Medidas de primeiros-socorros

Esta seção explicita com riqueza de detalhes quais medidas devem ser tomadas caso haja a necessidade da prestação de primeiros socorros, além de indicar quais ações devem ser evitadas para garantir mais segurança no manuseio do produto.

5- Medidas de combate a incêndio

Na seção de medidas de combate a incêndio, deve-se informar quais são os meios de extinção de incêndios mais adequados caso eles ocorram, além dos meios não-recomendados para interromper o fogo.

6- Medidas de controle para derramamento ou vazamento

Esta seção informa quais medidas devem ser tomadas caso haja o derramamento ou vazamento do produto químico, detalhando precauções pessoais, como realizar a proteção do meio ambiente, quais procedimentos de emergência devem ser tomados, os melhores métodos de limpeza e coleta do produto e como deve ser feita a neutralização e descontaminação do local.

7- Manuseio e armazenamento

A seção 7 informa os procedimentos de segurança no manuseio e armazenamento de produtos químicos, bem como ações de segurança pessoal caso haja contato acidental.

8- Controle de exposição e proteção individual

No controle de exposição e proteção individual, são informados os parâmetros de controle pra substâncias e ingredientes, além dos respectivos limites de tolerância e etc. Esta secção também é de grande importância para a higiene ocupacional.

9- Propriedades físico-químicas

As propriedades físico-químicas compreendem os aspectos do produto químico, como sua aparência, coloração e aspectos físicos.

10- Estabilidade e reatividade

Esta seção diz respeito à estabilidade química do produto, bem como aspectos como a reatividade, a possibilidade de reações perigosas, condições a serem evitadas, materiais incompatíveis e afins.

11- Informações toxicológicas

As informações toxicológicas são mais utilizadas por médicos, uma vez que informa todos os efeitos toxicológicos ao organismo humano.

12- Informações ecológicas

Nesta seção, devem ser informadas medidas para avaliar o impacto ambiental de determinada substância ou preparado, quando o mesmo é liberado no ambiente.

13- Considerações sobre tratamento e disposição

As considerações sobre tratamento e disposição ditam métodos assertivos e recomendados para o tratamento e disposição do produto químico.

14- Informações sobre transporte

Nesta seção, deve conter informações sobre códigos e classificações em concordância com as regulamentações – nacionais e internacionais -, para transporte do produto.

15- Regulamentações          

Na seção de regulamentações, deve-se detalhar todas as regulamentações compreendidas de acordo com o produto químico, de acordo com a legislação vigente.

16- Outras informações

Na última seção – mas não menos importante -, todas as demais informações pertinentes ao processo devem ser informadas, como a necessidade de treinamentos, consultoria e afins. Nesta seção, todo o conteúdo importante que não se enquadra nas seções anteriores deve ser informado.

A Analytics Brasil é o único laboratório brasileiro a oferecer a Análise de FISPQ para nossos clientes, antecedendo a proposta comercial.

O Higienista Ocupacional da Analytics Brasil, Leandro Assis Magalhães, graduado em química com mestrado na área, recebeu a certificação da Associação Brasileira de Higienistas Ocupacionais, o que garantiu a ele o título de 101º Higienista Ocupacional Certificado do Brasil. O que torna a Analytics Brasil o único LABORATÓRIO que possui em seu corpo técnico um higienista ocupacional certificado pela ABHO, demonstrando assim nossos diferenciais técnicos para auxiliá-los a obter um sucesso em seus projetos.

Analytics Brasil faz uso das metodologias propostas pela NIOSH e OSHA, contando com ACREDITAÇÃO TOTAL DA AIHA (Associação Norte-Americana de Higiene Industrial) desde o ano de 1981. Além disso, os dados obtidos nos relatórios de nossas análises são comparáveis com os limites de tolerância da legislação brasileira e da ACGIH com o objetivo final de determinar se o local é seguro e está em conformidade, eliminando passivos trabalhistas e insalubridade associados com a exposição no local de trabalho.

Analytics Brasil: Higiene Ocupacional ao alcance de suas mãos.

Ficou alguma dúvida? Deixe seu comentário!

Fonte:

http://www.abntcatalogo.com.br/norma.aspx?ID=57670#


Compartilhe:

Av. dos Andradas 3323 - Sala 504, Santa Tereza - BH/MG

(31) 4063-9493 | 3146-9493

(31) 99730-5753

contato@analyticsbrasil.com.br